A escola do século 21 e a intuição de Clarice (por Lais Fontenelle/via Outras Palavras)

160920-clarice

Por Lais Fontenelle/via Outras Palavras – 20/9/2016.

“Não existe aprendizagem sem afeto. Mas ao invés de preparar para o compartilharmento e a troca de experiências, nosso ensino enfatiza as tarefas, o mérito nos exames, a suposta ascensão profissional.”

Leia mais:

http://outraspalavras.net/cultura-2/a-escola-do-seculo-21-e-a-intuicao-de-clarice

Compartilhe
Share On Twitter
Share On Linkdin
Contact us

Porque Cristovam Buarque não merece mais ser chamado de professor (por Fernando Brito/via Tijolaço)

gamba

Por Fernando Brito – 23/9/2016 – via Tijolaço.

“Não gosto de dirigir ofensas pessoais a ninguém, mas há horas em que a dignidade nos obriga a dizer verdades que, na consciência plena de culpas de um traidor ou de um fariseu, soam como ofensivas.

Li uma breve manifestação do senhor Cristovam Buarque sobre a reforma educacional proposta pelo Governo Temer.

Ele elogia a volta da divisão escolar, lembrando do “clássico’ e do “científico”  que existiram até os anos 60.

Só um energúmeno pode fazer algo assim, sobretudo quando viveu aqueles tempos.

Para quem não os viveu, eu conto.”

Leia mais:

http://www.tijolaco.com.br/blog/porque-cristovam-buarque-nao-merece-ser-chamado-de-professor

Compartilhe
Share On Twitter
Share On Linkdin
Contact us

O que as urnas revelam sobre o racismo nosso de cada dia (por Jorge Américo e Douglas Belchior/via Negro Belchior e Agência Patrícia Galvão)

pele

Por Jorge Américo e Douglas Belchior/via Negro Belchior e Agência Patrícia Galvão – 21/9/2016.

“No Brasil todo mundo já namorou uma negra. Chamou um negro de genro. Adora ouvir as histórias do porteiro (que é negro). Considera a diarista (também negra) uma pessoa da família. Se emociona quando vê aquele gari (negro) que gosta de sambar, ser aplaudido pelos gringos. Tamanha harmonia é a consumação plena da principal regra da nossa democracia racial. Ou seja, a população negra sempre será tratada bem, desde que saiba qual é o seu lugar e dele não queira sair. Curioso como o gari continua sendo gari mesmo depois de tantos anos aparecendo na televisão.”

Leia mais:

http://agenciapatriciagalvao.org.br/politica/o-que-as-urnas-revelam-sobre-o-racismo-nosso-de-cada-dia-por-jorge-americo-e-douglas-belchior

Compartilhe
Share On Twitter
Share On Linkdin
Contact us

00Moro: licença para violar a lei, dizem desembargadores (por Fernando Brito/via Tijolaço)

Por Celso Vicenzi

O Judiciário brasileiro – à exceção dos que não são cúmplices e os que não se omitem, neste grave momento – virou um território sem lei, um vale-tudo ideológico e partidário, que funciona na base do “dois pesos, duas medidas”. No futuro, certamente a pergunta surgirá: “Mas eram todos canalhas?”

00moro

Por Fernando Brito – 23/9/2016 – via Tijolaço.

“Atenção advogados, atenção juízes (os que restam), atenção acadêmicos de direitos: não usem mais a antes frequente expressão jurídica de que a lei é erga omnes, a lei vale para todos.

A Corte Especial do Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF4) decidiu que ela não vale para Sergio Moro.”

Leia mais:

http://www.tijolaco.com.br/blog/00moro-licenca-para-violar-lei-dizem-desembargadores

 

 

Compartilhe
Share On Twitter
Share On Linkdin
Contact us

A prisão de Mantega no hospital e o lamento sobre Marisa Letícia estão no mesmo pacote (por Kiko Nogueira/via DCM)

Mantega é abordado no Einstein

Mantega é abordado no Einstein.

Por Kiko Nogueira/via DCM – 22/9/2016.

O sadismo e a onipotência ajudam a explicar o fato de os agentes da PF irem até o hospital Albert Einstein, em São Paulo, para prender Guido Mantega na 34ª fase da Lava Jato.

O ex-ministro acompanha a mulher que se trata de câncer. A intenção era capturá-lo em casa, no bairro de Pinheiros. Lá só estava o filho dele, de 16 anos, e uma empregada. É de se imaginar o horror do qual esse rapaz jamais escapará: acordado por policiais no encalço do pai num momento já terrível.

Isso não é justiça. Isso é outra coisa. O procurador de barbicha que sempre aparece na TV disse na coletiva que, infelizmente, “coincidências como essas vão acontecer”.

Leia mais:

http://www.diariodocentrodomundo.com.br/a-prisao-de-mantega-no-hospital-e-o-lamento-sobre-marisa-leticia-estao-no-pacote-de-sadismo-de-moro-por-kiko-nogueira

Compartilhe
Share On Twitter
Share On Linkdin
Contact us

Reforma aumenta carga horária do ensino médio e reduz conteúdo obrigatório (via G1)

Comentário de Vinicius B. Vicenzi:

Se Artes e Educação Física já era um absurdo, apesar de serem obrigatórias nos anos anteriores, o que falar de revogar anos de luta pela reinclusão da Filosofia e Sociologia que só eram obrigatórias no EM? Ah, vão ficar pra aqueles que escolherem as ciências humanas como “optativas”… Sei…

Mais um dia triste nessa senda golpista. Estão roubando os direitos das nossas futuras crianças e jovens na mão grande, por Medida Provisória. Como assim? Mudar o EM por Medida Provisória? Sem nenhuma discussão? Logo se vê que é um governo autoritário. Uma ditadura tomou o país e a gente ainda não se deu conta?

Talvez alguns ainda não reconheçam assim, afinal “primeiro levaram a filosofia…”.

Leia a notícia no G1:

http://g1.globo.com/educacao/noticia/temer-apresenta-medida-provisoria-da-reforma-do-ensino-medio-veja-destaques.ghtml

Compartilhe
Share On Twitter
Share On Linkdin
Contact us