Brasil: como os mais ricos sonegam impostos (por Camilla Veras Mota e Leticia Mori, na BBC Brasil/via Outras Palavras)

A doação de patrimônio para fundações é uma das categorias do 'planejamento sucessório', usado para diminuir os impostos sobre herança (Ilustração: Raphael Salimena)

A doação de patrimônio para fundações é uma das categorias do ‘planejamento sucessório’, usado para diminuir os impostos sobre herança. (Ilustração: Raphael Salimena).

Por Camilla Veras Mota e Leticia Mori, na BBC Brasil – 7/11/2017 – via Outras Palavras.

Salário é tributado; lucro dos empresários, não. Aluguel tem desconto, “fundo imobiliário” é isento. Seja sócio de seu filho, e não contribua sobre a herança. As mil artimanhas só possíveis para quem tem muito dinheiro.

Leia mais:

http://outraspalavras.net/outrasmidias/capa-outras-midias/brasil-como-os-mais-ricos-sonegam-impostos

Brasil é paraíso tributário para super-ricos, diz estudo de centro da ONU

https://nacoesunidas.org/brasil-e-paraiso-tributario-para-super-ricos-diz-estudo-de-centro-da-onu

31/3/2016

Mais ricos representam 71 mil pessoas (0,05% da população adulta brasileira) e se beneficiam de isenções de impostos sobre lucros e dividendos, uma de suas principais fontes de renda. Entre os países da OCDE, além do Brasil somente a Estônia oferece esse tipo de isenção tributária ao topo da pirâmide.

leia mais →